O que acontece com a mulher depois da gravidez?

O dia a dia de uma gestante já é cheio de surpresas e mudanças na rotina e com o pós-parto não seria diferente. Mas, é bom você se informar também sobre esse período, pois é um momento de muitos altos e baixos emocionais.

 

Sentimentos recorrentes no pós-parto:

 

Tristeza:

A sua sensibilidade estará mais aflorada após o parto, até porque você viverá um momento único na vida, que vem carregado de inseguranças. Mas isso não significa que você está odiando ser mãe, muita calma. Aliás, essa alternação de humor é muito comum e ela está atrelada ao baby blues. Porém, quando esta tristeza estiver desencadeando um quadro de pensamos recorrentes de suicídio, sintomas de ansiedade severa, perda de motivação, distúrbios do sono, pensamentos perturbadores e desesperança, procure uma ajuda médica urgente. Isso pode indicar um quadro clínico de depressão que precisa ser tratada o mais rápido possível.

 

Medo:

A maternidade é um mundo muito encantador e rico, mas em seus primeiros momentos com o bebê em casa você pode se sentir insegura. E o medo pode ser um sentimento recorrente, já que pela primeira vez na vida você está trocando fraldas, amamentando e cuidado de uma vidinha que depende 100% dos seus cuidados. Esse sentimento é normal e só você e o amor pelo seu filho conseguem enfrentar esses novos desafios.

 

Alegria:

Ser mãe gera uma série de emoções, muitas vezes extremamente exageradas. Tudo fica grandioso a partir do momento que você pega seu filho no colo, tanto as emoções negativas quanto as positivas. E a felicidade é algo presente e que se torna enraizado, tudo é motivo de alegria. Seja uma simples risadinha do neném até o primeiro banho. Nessa fase você vai perceber que a felicidade está nas pequenas coisas.

 

Raiva:

É normal você se irritar com qualquer coisa nessa fase, já que as suas emoções estão a flor da pele. Apresentar um quadro de irritabilidade por não conseguir fazer seu bebê parar de chorar ou não saber trocar a fralda, por exemplo, é muito comum. Mas, atenção ao limite dessa irritação, pois se for de maneira extremamente exagerada você pode estar sofrendo de algum distúrbio do pós-parto.

 

Ataques de ansiedade:

Os ataques de ansiedade quando moderados e leves também são considerados normais. Mas, assim como a raiva e a tristeza é preciso ficar atenta. Durante toda a gravidez você cria expectativas e faz planos e quando o bebê nasce você vê que não é nada do que pensava, por isso, é normal se sentir um pouco ansiosa e apreensiva. Lembre-se: é tudo muito novo!

 

Hipersensibilidade:

Fica difícil segurar as lágrimas no pós-parto, você pode se pegar chorando assistindo ao noticiário, por exemplo. Nessa fase as suas emoções estão extremamente afloradas, o que gera essa vontade de chorar por qualquer coisa. Mas, apenas isso não significa que você está sofrendo de algum distúrbio de pós-parto.  

Somos Mãeshttps://somosmaes.com.br/
A Somos Mães é uma ONG e uma empresa do setor 2,5 que nasceu em agosto de 2014. Com o objetivo de informar e acolher, produz conteúdo que impacta diariamente mais de 300 mil pessoas. Tem dois projetos incentivados pela Lei Rouanet.

Leia mais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Siga nossas redes

220,991FãsCurtir
65,000SeguidoresSeguir
345InscritosInscrever
spot_img

Últimos posts

error: Content is protected !!