Hipertireoidismo em crianças

O funcionamento alterado da tireoide em crianças pode ter diversas causas. As crianças podem apresentar desde falhas da produção do hormônio de tireoide, como também o excesso da produção. A causa mais comum de excesso de produção de hormônios da tireoide, também chamado de hipertireoidismo é a Doença de Graves. Esta doença pode ser mais presente quando a criança sofre de outras doenças autoimunes ou tem parentes com esta situação.

 

Aproximadamente metade das crianças com pais portadores de doenças da tireoide podem desenvolver disfunções neste órgão. Por isso, é muito importante que os pais estejam atentos aos sintomas e procurem um especialista caso notem alguma alteração na saúde dos filhos.

 

Apesar de possível, o hipertireoidismo infantil não é tão frequente, felizmente. Antes dos cinco anos de idade são raríssimos os casos da doença, com aumento da incidência a partir dos 11 anos, no início da adolescência. Sua ocorrência é maior em meninas.

 

O que é a doença de Graves

 

Importante comentar que Graves é o nome da pessoa que descobriu a doença, por isso Doença de Graves. Vários pais confundem esta denominação com “Doença Grave” e acabam ficando apavorados antecipadamente. Esta doença é uma das situações na qual o nosso corpo passa a não reconhecer uma estrutura normal do organismo e começa a atacá-la como se estivesse se defendendo de um germe envasar. Por isso, recebe o nome de doença autoimune. Nosso sistema imunológico acaba agredindo ele mesmo.

 

Na doença de Graves o corpo produz um anticorpo chamado de Anti-TRab que age estimulando a tireoide para produzir mais hormônios do que é necessário e, consequentemente, gerando uma série de sintomas.

 

Sintomas

 

Se o seu filho apresentar alguns desses sintomas, a recomendação é procurar um médico para obter o diagnóstico correto:

 

– Bócio (tireoide crescida)

– Tremores

– Sudorese

– Pele quente

– Diarreia frequente

– Perda de peso

– Fadiga

– Dificuldade de concentração

– Olhos irritados

– Nervosismo

– Insônia

– Inquietação

– Nas adolescentes, atraso ou ausência menstrual

 

Tratamento

 

O tratamento do hipotireoidismo em crianças é similar ao tratamento dispensado em casos de alterações em indivíduos adultos. Após a constatação da doença através de exames, medicamentos específicos e com dosagem adequada para cada caso são prescritos. O acompanhamento médico será essencial para o controle da disfunção.

 

Dr. Felipe Gaia

Graduado pela Universidade Federal de Alagoas em 2000

Residência em Clínica Médica e Residência em Endocrinologia pela Universidade Estadual Paulista FM-UNESP
Título de Especialista em Endocrinologia e Metabolismo – SBEM 2005
Doutorado em Endocrinologia e Metabolismo pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FMUSP) em 2011
Médico colaborador da Unidade de Neuroendocrinologia do Hospital das Clínicas da FMUSP. Médico titular do serviço de endocrinologia do Hospital do Câncer AC Camargo e médico na Clínica Mãe – https://mae.med.br

CRM 103.254 (Endocrinologista)

Somos Mãeshttps://somosmaes.com.br/
A Somos Mães é uma ONG e uma empresa do setor 2,5 que nasceu em agosto de 2014. Com o objetivo de informar e acolher, produz conteúdo que impacta diariamente mais de 300 mil pessoas. Tem dois projetos incentivados pela Lei Rouanet.

Leia mais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Siga nossas redes

220,956FãsCurtir
65,000SeguidoresSeguir
345InscritosInscrever
spot_img

Últimos posts

error: Content is protected !!