Pai também pode sofrer de depressão pós-parto

 A depressão pós-parto é um problema muito comum entre as mães, mas o que muita gente não sabe é que o pai também pode sofrer com essa condição. Assim como a mulher, o homem se vê diante de uma série de novas responsabilidades e cuidados que ele não estava acostumado antes. E isso gera insegurança e uma certa tristeza por ter medo de não conseguir dar conta disso tudo.

 

Um estudo publicado recentemente pelo Journal of American Medical Association revelou que cerca de 10% dos pais sofrem de depressão pós-parto, e esse número pode chegar a 25% após o primeiro trimestre de vida do bebê. Geralmente, esse problema é identificado em pais de primeira viagem.

 

Em um primeiro momento, a chegada de um bebê pode causar uma série de sensações e inseguranças que muitos casais desconheciam e precisam se adaptar a essas novas mudanças.

 

Um dos pontos que pode influenciar o desenvolvimento de depressão pós-parto no homem é o fato da mulher voltar sua atenção exclusivamente para o bebê e ele se sentir excluído dessa relação. A preocupação com o futuro também é um dos fatores que podem desencadear esse problema.

 

A depressão pós-parto no pai pode se manifestar de diversas formas, como ansiedade, mudanças de humor e irritabilidade. Tudo isso atribuído à sensação de não estar sendo um bom pai. Como a maioria dos homens têm dificuldade em demonstrar sentimentos fica ainda mais difícil solucionar o problema.

 

O que o casal pode fazer, nesse caso, é conversar e esclarecer os pontos que estão afetando os dois e tentar melhorá-los. E uma boa conversa ajuda e muito quanto a isso. Em casos mais complexos o melhor a se fazer é procurar ajuda de um profissional. O importante é cuidar da relação familiar, assim todos poderão desfrutar de bons momentos e se livrar de frustrações, preocupações e dúvidas. 

Artigo anteriorGravidez aos 40
Próximo artigoRoupas do recém-nascido
Somos Mãeshttps://somosmaes.com.br/
A Somos Mães é uma ONG e uma empresa do setor 2,5 que nasceu em agosto de 2014. Com o objetivo de informar e acolher, produz conteúdo que impacta diariamente mais de 300 mil pessoas. Tem dois projetos incentivados pela Lei Rouanet.

Leia mais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Siga nossas redes

220,991FãsCurtir
65,000SeguidoresSeguir
345InscritosInscrever
spot_img

Últimos posts

error: Content is protected !!