Criança com comportamento agressivo

É muito complicado quando os pais percebem que seu pequeno começou a ter um comportamento agressivo. Tudo isso vira um turbilhão de emoções dentro de casa, o medo, a angústia e a insegurança acabam tomando conta de determinadas situações. Mas, o que fazer em um momento como esse?

 

É normal que o pequeno tenha uma fase mais irritadinha, pois a raiva é um sentimento natural do ser humano, e quando a criança é muito novinha ela não sabe administrar suas emoções. E é nesse ponto que ela deixa transparecer uma irritabilidade fora do normal.

 

Muitas crianças passam a expressar sua raiva de modo exagerado. E essa questão tem uma relação direta com o “impor limites”. Desde que somos um pinguinho de gente precisamos saber o que é aceitável ou não, é desta forma que guiamos nossas emoções e atitudes. Por isso, a importância de punir comportamentos inadequados dentro de casa, isso mostra que aquilo que ela está fazendo é ruim.

 

E você, mamãe, precisa entender que a criança por mais nova que seja entende muita coisa que se passa ao seu redor. Por isso, jamais subestime sua capacidade e inteligência.

 

O que os pais precisam fazer, em primeiro lugar, é entrar em um acordo. Para que os dois sejam firmes nos mesmos pontos em relação à educação e necessidades básicas para o desenvolvimento do pequeno.

 

Você precisa ajudar o seu filho a nomear o que ele está sentindo para que ele possa se expressar e entender melhor o que está acontecendo. Dê caminhos diferentes para que a criança expresse a sua raiva de forma mais saudável.

 

Você pode conseguir isso tanto com a argumentação quanto com algumas técnicas. Peça para ele desenhar ou escrever o sentimento que está sentindo. Também pode aplicar um exercício, por exemplo, dê uma latinha para ele e peça para chutá-la até passar a raiva ou até mesmo socar o travesseiro. Tudo isso pode garantir um resultado muito positivo.

 

Essa agressividade pode ser uma forma que a criança encontrou para mostrar que algo não está bem com ela e, por isso, externa esse sentimento de forma exagerada.

 

Mas calma, mamãe, isso é apenas uma fase, vai passar. O que você precisa nesse momento é de muita paciência e conversa para que tudo se encaminhe da melhor forma possível. 

Somos Mãeshttps://somosmaes.com.br/
A Somos Mães é uma ONG e uma empresa do setor 2,5 que nasceu em agosto de 2014. Com o objetivo de informar e acolher, produz conteúdo que impacta diariamente mais de 300 mil pessoas. Tem dois projetos incentivados pela Lei Rouanet.

Leia mais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Siga nossas redes

220,986FãsCurtir
65,000SeguidoresSeguir
345InscritosInscrever
spot_img

Últimos posts

error: Content is protected !!