Como cuidar da pele do bebê durante o verão

Os cuidados com a pele da criança começam desde cedo, pois no verão o risco de irritações aumenta. Para evitar esse tipo de problema, os pais devem se atentar aos riscos nessa fase, já que os bebês não produzem óleo o suficiente para a pigmentação, o que acaba ocasionando uma sensibilidade maior.

 

Segundo a Dra. Joana Tebar, dermatologista membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia, durante a infância, as crianças passam por uma exposição solar muito intensa, o que pode gerar uma série de problemas de saúde no futuro: “Estudos mostram que a exposição solar excessiva na infância aumenta de forma significativa o risco de câncer de pele na idade adulta. Calcula-se que 50% de toda radiação solar que recebemos durante toda a vida ocorre nos primeiros 18 anos de idade. Desta forma, campanhas de fotoproteção estão sendo desenvolvidas em diversos países com o objetivo de alertar os pais sobre os riscos e orientar sobre as atitudes preventivas.”.

 

Os médicos não recomendam o uso de protetor solar em crianças com menos de 6 meses de vida, mas de acordo com a dermatologista há outras maneiras de cuidar da pele do pequeno: “não é recomendada exposição solar prolongada (praia, piscina). Com a criança, se considera que 15 minutos duas ou três vezes por semana são suficientes (sem o uso do filtro solar) para manter níveis adequados de vitamina D.”.

 

A partir dos seis meses até os dois anos de idade a recomendação muda, pois a criança já iniciou o processo de desenvolvimento de proteção da pele. Segundo Dra Joana, a partir dessa fase já pode ser aplicado o protetor solar: “a recomendação é utilizar somente filtros 100% físicos – atuam como barreira física, principalmente refletindo os raios UV.”. Esse tipo de protetor não é absorvido pela pele.

 

Já a partir dos dois anos de idade, os pais podem aplicar o protetor solar infantil na criança: “que é, em geral, uma mistura de filtros químicos – atuam principalmente absorvendo UVA e raios UVB – e físicos.”, afirma a Dra. Joana Tebar.

Somos Mãeshttps://somosmaes.com.br/
A Somos Mães é uma ONG e uma empresa do setor 2,5 que nasceu em agosto de 2014. Com o objetivo de informar e acolher, produz conteúdo que impacta diariamente mais de 300 mil pessoas. Tem dois projetos incentivados pela Lei Rouanet.

Leia mais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Siga nossas redes

220,955FãsCurtir
65,000SeguidoresSeguir
345InscritosInscrever
spot_img

Últimos posts

error: Content is protected !!